A Tuna Luso está a um passo de retornar à elite do futebol paraense após oito anos. A vitória na manhã do último sábado por 2 a 0 em cima do Sport Real, garante boa vantagem para o jogo da volta nesta quarta-feira, dia 16, no Mangueirão.

Porém, em entrevista à TV Liberal, o técnico Robson Melo mantém a cautela sabendo que a partida decisiva não será fácil.

– Falta pouco, momento importante. A gente sabe da dificuldade de enfrentar um adversário qualificado. Mostrou que é merecedor de estar na semifinal. Não está nada definido. É manter os pés no chão, manter a humildade, o foco – contou ao repórter Robério Vieira.

"A gente espera um jogo muito difícil, como foi o primeiro. Um jogo muito equilibrado, estratégico, estudado. Fábio Oliveira tem uma boa equipe. A gente espera eles um pouco mais propositivo na partida. Vai ser um jogo aberto, bom de se ver, e que a Tuna possa continuar fazendo seu jogo".

Robson ressaltou que o trabalho agora é manter a mente forte para repetir a atuação de sábado e levar a Tuna para a primeira divisão, onde está de fora desde 2013.

– A gente lutou muito, trabalhou bastante. Continuamos trabalhando, agora é fortalecer mentalmente para que a gente possa na quarta-feira fazer outro grande jogo e, se Deus abençoar, conseguir levar a Gloriosa de volta à elite. Vai ser um marco não só para mim, mas para esse grupo que abraçou a causa.

"É o jogo que para nós não vale só a temporada, mas acordar um gigante que está há oito anos adormecido".

A partida decisiva entre Tuna e Sport Real, válida pela semifinal da Segundinha do Parazão, será nesta quarta, às 9h30, no Mangueirão.


Ge.globo.com

Deixe seu Comentário