Mesmo com susto no início, o Tiradentes-PI conseguiu ser superior nos 90 minutos de partida e saiu do Pará com uma vitória por 5 a 3 contra o Esmac, na tarde desta sexta-feira. A vitória mostrou um time que apostou na qualidade das meias, oportunismo da camisa 9 e mira calibrada. Vilma (2x), Magna, Eliene e Kayla marcaram para as tigresas. Pelo lado do Esmac, Rayane e Pingo diminuiram e Kattu, zagueira do Tiradentes, marcou contra. Com ambos os clubes classificados ao mata-mata, o Tigre avançou às oitavas em segundo lugar do Grupo A, e o Esmac em terceiro.

O sorteio realizado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), definiu os confrontos das oitavas na noite desta sexta-feira. O Tiradentes, que caiu no Pote B, enfrentará o América-MG, do Pote A. Já o Esmac, equipe do Pote B, enfrentará o Juventus, equipe do Pote A. Nesse chaveamento, as equipes do Pote A são mandantes do jogo de volta.

PRIMEIRO TEMPO

O gol-relâmpago de Rayane, aos 13 segundos de jogo, parecia determinar um começo complicado para o Tiradentes-PI. Mas Magna conseguiu empatar, e Eliene, com um golaço virou a partida. Com jogo disputado, a virada durou pouco, e Pingo colocou novamente o placar igual no estádio Curuzu. Porém, a meia Vilma estava insipada e com dois chutes recolocou as tigresas em vantagem.

SEGUNDO TEMPO

Na etapa complementar, o Esmac veio para cima para tentar reconquistar a vitória em casa. O Tiradentes-PI usava a estratégia do contra-ataque. No abafa, as paraenses viram Kattu errar no corte da bola e marcar contra. O gol incêndiou o jogo, mas com calma, o Tiradentes-PI conseguiu ser superior, aproveitando a velocidade no meio, e Elaine foi expulsa ao tentar parar Andriele. Na cobrança da falta, Kayla, com categoria, colocou a bola por cima da barreira e selou a classificação das piauienses na vice-liderança do Grupo A.


Ge.globo.com

Deixe seu Comentário